Arte & Exposições

Santo Tirso recebe exposição inédita na Península Ibérica

  • 2014-11-04

SOB A CHANCELA DO INSTITUT FÜR AUSLANDSBEZIEHUNGEN E GOETHE-INSTITUT

«COME-IN» ENTRE 7 DE NOVEMBRO E 14 DE DEZEMBRO NA FÁBRICA DE SANTO THYRSO

Santo Tirso vai receber uma das maiores exposições internacionais de design de interiores. «Come-In» chega pela primeira vez à Península Ibérica através da Câmara Municipal e da Escola Superior de Artes e Design de Matosinhos, com inauguração marcada para o dia 7 de novembro, pelas 21h30. Esculturas, instalações e vídeos propõem uma reflexão sobre as conexões entre a arte e o design e o papel da peça de mobiliário no discurso artístico contemporâneo. A mostra é promovida pelos prestigiados Institut für Auslandsbeziehungen e Goethe-Institut e estará patente na Fábrica de Santo Thyrso até 14 de dezembro.

A exposição «Come-In: O Design de Interiores como Meio de Arte Contemporânea na Alemanha» reúne trabalhos de 25 artistas consagrados, entre os quais Christina Doil ou Dorethee Golz. Muitas das peças foram especialmente produzidas para esta mostra, que se focaliza em dois tipos de objetos: aqueles que tratam da memória pessoal e coletiva na tradição da escultura/e ou da arte da instalação e aqueles que assumem uma forma definitiva, apenas por meio do seu funcionamento comunicativo, ou seja, do seu uso prático.

Sendo uma exposição em itinerância desde 2010, esta é a primeira vez que ela poderá ser visitada pelo público na Península Ibérica. Para o presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto, “é um privilégio para o Município acolher uma mostra de inquestionável qualidade e prestígio que permitirá projetar o nome de Santo Tirso na rota da cultura, da inovação e do design”.
Ainda segundo Joaquim Couto, a nave cultural da Fábrica de Santo Thyrso cumpre, assim, “as suas funções de cariz de animação urbana, permitindo aumentar a oferta cultural da cidade e atrair e captar públicos diversos”.


Come-In: Arte ou Design?

A exposição «Come-In: O Design de Interiores como Meio de Arte Contemporânea na Alemanha» levanta a questão da relação entre a arte e o design, abrindo um amplo panorama de prováveis reaproximações e claras distinções entre ambos, a partir da mostra de objetos, esculturas, instalações, vídeos e inserções de catálogo.

Todos examinam os efeitos das influências relacionadas ao interior no mundo do design, da cultura pop e da arquitetura moderna. Embora de maneira geral tenha partido dos designers a ideia de tentar enriquecer os seus trabalhos com elementos das belas-artes, adicionando-lhes conteúdo narrativo, referências ritualistas e simbolismos, hoje a ligação da arte com o design também parece ter sido revitalizada pelos artistas.

Os móveis, objetos e interiores, que podem ser classificados segundo a sua forma exterior inequívoca em grupos intitulados como móvel, luminária ou interior, revelam à segunda vista um caráter incómodo, colorido e exaltado, orientados que estão para a perceção humana ou para um evento comunicativo-situacional. Eles são sobretudo uma ideia, um projeto, uma encenação da perceção de uma situação condicionada por determinados elementos de instalação e arquitetura.


*** Nota do Gabinete de Comunicação da C.M. Santo Tirso ***

77 itens ver mais
1043 itens ver mais
130 itens ver mais

Tempo

Farmácias de serviço

Classificados

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia