Operadores e consumidores do Mercado Abastecedor da Região de Braga sensibilizados para valorizar os produtos nacionais

Braga, Economia

autor

Paula Maia

contactar num. de artigos 918

Foi com o objectivo de sensibilizar operadores e consumidores a fomentar o consumo de produtos nacionais que o Marb - Mercado Abastecedor da Região de Braga, localizado em Celeirós, inaugurou ontem o posto de atendimento ‘Portugal Sou Eu’, programa que tem como finalidade garantir o envolvimento de toda sociedade a civil na valorização da produção nacional como forma de aumentar a competitividade e a criação de emprego nas empresas portuguesas, em particular nas PME.

Esta inauguração resulta de um protocolo de adesão do Grupo SIMAB, onde se insere o Marb, e as entidades que dinamizam a iniciativa ‘Portugal Sou Eu’ (IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação, AEP - Associação Empresarial de Portugal, AIP - Associação Industrial Portuguesa, CAP - Confederação dos Agricultores de Portugal, CCOP - Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, APED - Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição e a AHRESP-Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal).

Branca Pereira, responsável do programa ‘Portugal Sou Eu’, explicou que o programa procura chamar a atenção dos consumidores e empresários de que ao consumirem ou comercializarem produtos portugueses estão a promover “impactos positivos na economia”, numa lógica de substituição de importações.

O balcão vai abranger todos os mercados abastecedores do país, procurando actuar nas respectivas áreas de influência. “Nesta região, grande parte dos produtos estão no sector agro-alimentar. Aliás, o maior número de produtos que temos com selo atribuído estão no sector agro-alimentar e bebidas, mas pretendemos alargá-lo a outros sectores”, diz a responsável, adiantando que estão já a ser dinamizadas outras iniciativas como objectivo de proceder a esse alargamento.

Branca Pereira adiantou ainda que foram já efectuadas acções junto de algumas empresas do Mercado Abastecedor de Braga, no sentido de explicar o que é o programa, as suas vantagens e os seus objectivos.
Rui Paulo Figueiredo, do Conselho de Administração da SIMAB revelou que o objectivo do grupo com esta acção “é espalhar a mensagem de que a economia do país ganha se produzirmos e consumirmos aquilo que é nosso”.

Com este balcão, o Marb pretende fomentar adesão das empresas ao programa, envolvendo também as associações de produtores, associações comerciais e o público que vem comprar aos mercados abastecedores. “O objectivo é que a mensagem alastre. O ‘Portugal Sou Eu’é que tem essa missão, mas pretendemos ser um pequeno grão nessa engrenagem”, refere o administrador que ontem participou também nas comemorações do 15.º aniversário do Marb, festa que envolveu os operadores, clientes e muitos convidados que quiseram assinalar a data da criação do maior centro logístico do Minho nos sectores agro-alimentares de logística e de transporte.

Em representação da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques, vice-presidente da autarquia, diz que a alocação deste posto “foi a prenda ideal” para assinalar este aniversário.
O dirigente autárquico vê neste novo projecto um factor de promoção dos produtos nacionais, visando não só os produtores mas também os consumidores. “Este projecto veio trazer muita vitalidade ao mercado. Nota-se uma actividade diferente, para melhor”, diz Firmino Marques.

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia