Marcelo Rebelo de Sousa: “Uma tragédia sem precedente em Portugal”

Nacional

autor

Redacção

contactar num. de artigos 34298

Três dias de luto nacional decretados pelo governo devido à tragédia que assola desde o passado sábado a área florestal de Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, e cujo incêndio de proporções gigantescas depressa alastrou para municípios vizinhos de Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos e Sertã, distrito de Castelo Branco, obrigando a evacuar povoações ou deixando-as isoladas.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, esteve no local na madrugada de ontem, onde chegou ao teatro operacional às 00.40 horas, onde deixou palavras de ânimo e conforto aos combatentes e apresentou os seus sentimentos aos familiares das vítimas - que ascendem até agora a 61 mortos e 62 feridos.

“Uma tragédia quase sem precedente na História de Portugal” - assim considerou o Presidente da República, ontem à noite, na comunicação pública que fez ao país, onde voltou a reforçar todo o apoio e coragem às forças vivas que se encontram a combater as chamas e a dar todo o apoio possível às populações - garantindo que “está a ser feito o que é possível”.

O Presidente da República suspendeu a sua agenda até amanhã e voltou para junto do centro de operações.
Ontem, sete estradas nos distritos de Leiria, Coimbra, Bragança e Castelo Branco estiveram interditas ao trânsito, devido à ocorrência de incêndios e chegou mesmo a provocar o corte do trânsito na Estrada Nacional 2 e na A13 — Autoestrada do Pinhal Interior, entre o nó do IC8 - Itinerário Complementar 8 e o nó de Penela (Coimbra), além de vários condicionamentos nas estradas nacionais e municipais dos concelhos afectados pelo lavrar das chamas - assim indicaram as informações da Guarda Nacional Republicana.
“É a maior tragédia de vidas humanas” relacionada com incêndios florestais de que há memória em Portugal, admitiu o primeiro-ministro, António Costa.

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos das categorias relacionadas

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia