Amor de valor incalculável proporcionou um prémio de um milhão

Conta o Leitor

Vítor Silva Final dos anos noventa, um jovem depois de cumprir serviço militar na Marinha, ia começar a trabalhar em uma cidade que distava cerca de vinte quilómetros da cidade onde nasceu e vivia. Apanhou a camioneta para o trabalho, ao entrar na mesma verificou uma miúda muito bonita, magrinha com um sorriso divinal que lhe encantou. Quando chegou ao destino junto com a sua irmã, que lhe tinha arranjado esse emprego ficou a saber que era sua colega no mesmo. Foram decorrendo os dias, ele trabalhava no armazém em que o pico do trabalho era de manha em que serviam os técnicos fornecendo o material e depois só no fim do dia é que novamente o trabalho apertava, durante o mesmo ajudava em diversos serviços inclusive onde essa miúda que parecia um modelo e era muito simpática trabalhava. Durante os almoços, todos os dias no restaurante, ele pode verificar que realmente era muito boa pessoa, mas também muito inteligente, foram dias muito bons. No seu intimo não pensou um dia...

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia