APRENDER e CRIAR nas Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Carlos Amarante

Voz às Escolas

A Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) e o Plano Nacional de Leitura (PNL) com o objetivo de incentivar o trabalho realizado nas biblio-tecas escolares apoiam, anualmente, candidaturas de projetos inovadores produzidos nas bibliotecas que visem, entre outros objetivos, a melhoria das aprendizagens e o apoio aos curricula. É neste contexto que as bibliotecas do Agrupamento de Escolas Carlos Amarante (AECA) têm, para o ano letivo 2016/2017, dois projetos selecionados e apoiados por aqueles organismos: ‘O Fascínio do Oriente’ e o ‘Aprender e criar na Biblio-teca Escolar’.

‘O Fascínio do Oriente’ é um projeto de articulação curricular, iniciado em 2015/16, que visa celebrar a atração (económica e cultural) das sociedades europeias pelo oriente a partir do século XV e o diálogo intercultural oriente/ocidente, tendo como fio condutor a exploração de textos de diversas tipologias, épocas e suportes em conjugação com os conteúdos curriculares das disciplinas envolvidas no projeto (História, Filosofia, Sociologia e EMRC). Para além de abordar os traços identitários das culturas orientais como a gastronomia, as festividades, a caligrafia, a pintura e o olhar europeu sobre o mundo asiático, pretende também estudar o imaginário oriental sobre o mundo ocidental. O tema aglutinador das atividades é ‘Olhares cruzados: Oriente, Oriente’.

‘Aprender e criar na Biblioteca Escolar’, projeto selecionado pela RBE nas Ideias Com Mérito, visa começar a reestruturar o espaço das bibliotecas do agrupamento, adequando-o a novas formas de trabalho e equipando-o com recursos úteis ao desenvolvimento de competên-cias essenciais no século XXI. Surgiu da constatação de que as bibliotecas são espaços tradicionais, pouco flexíveis para corresponder, numa escola que queremos para todos e de sucesso escolar, às mudanças pedagógicas provocadas pela revolução tecnológica e digital e a

68;s metodologias construtivistas e trabalho de projeto, sem entrar em conflitualidade com a necessidade de silêncio e de estudo autónomo, também necessários à aprendizagem.

Para responder às competências exigidas aos alunos do século XXI - colaboração, pensamento crítico, resolução de problemas, criatividade, literacias - a biblioteca tem que diversificar estratégias e incentivar a participação ativa e crítica dos alunos, o que exige a criação deste novo espaço da biblioteca - maker space - que incentive a criatividade, a produção de projetos e as aprendizagens colaborativas. Só assim a biblioteca será, efetivamente, lugar de aprendizagem e de inclusão. Como destinatários do projeto selecionámos os alunos dos cursos profissionais, do ensino recorrente, os alunos com Perturbações do Espetro do Autismo e os alunos da disciplina de Educação para a Cidadania Global porque são estes que, para concretizarem com sucesso as aprendizagens, mais necessitam de pedagogias baseadas na resolução de projetos e de Ambientes de Aprendizagem suportados por Tecnologias Móveis.

Para além dos aspetos apontados, uma das grandes mais valias destes dois projetos foi a de reforçar o trabalho colaborativo no AECA. São projetos unificadores, transversais que têm contado com o apoio da direção do Agrupamento, da coordenadora interconcelhia da RBE, dos professores e alunos das escolas assim como com o empenho dos assistentes operacionais das bibliotecas escolares. Externamente conta com as parcerias da Universidade do Minho, da Fundação Oriente, do Museu Nogueira da Silva e da Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.
A todos os que connosco colaboram, os nossos agradecimentos.

(Este texto teve a prestimosa colaboração da professora coordenadora da biblioteca da ESCA, Ana Margarida Dias).

vote este artigo

 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos desta categoria - Voz às Escolas

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia